Entenda como funciona o Tesouro Direto prefixado e veja 5 motivos para investir ainda hoje

Investir em Tesouro Direto Prefixado é uma excelente alternativa não só para quem está pensando em juntar dinheiro destinado às metas de médio prazo, mas também para aqueles que desejam ir além dos baixos rendimentos da Poupança.

De fato, os títulos públicos que têm taxas de juros prefixadas conseguem oferecer diversas vantagens aos investidores. Entretanto, para garanti-las é preciso conhecer bem as LTNs e saber como utiliza-las da melhor forma – e é exatamente nisso que este artigo está focado. Aqui falaremos sobre:

  • O que é o Tesouro Direto prefixado?
  • Principais características.
  • Como ele funciona?
  • A diferença entre cada tipo do título
  • Quais as taxas e custos que incidem sobre ele?
  • Como investir em Tesouro Direto prefixado?
  • 5 motivos para investir em LTN e NTN-F com a XP ainda hoje.

Por isso, continue lendo o nosso artigo e descubra tudo o que você precisa saber para investir de forma certeira e com segurança.

O que é o Tesouro Direto prefixado?

O Tesouro Direto prefixado é uma modalidade de títulos públicos emitidos pelo Tesouro Nacional na intenção de captar recursos para investir em setores da sociedade, como educação e saúde.

Ele é dividido em: Letra do Tesouro Nacional (LTN) e Notas do Tesouro Nacional série F (NTN-F). Ambos possuem as mesmas características principais, a única diferença está na cobrança das taxas e na forma de repasse dos rendimentos.

Principais características

  • O investidor sabe exatamente qual a rentabilidade a ser recebida até a data de vencimento;
  • É preciso descontar a inflação todo ano para saber qual foi a rentabilidade real da aplicação;
  • Possui maior variedade de vencimentos para a negociação no programa do Tesouro Direto;
  • É a melhor opção para os investidores que acreditam em uma queda da taxa de juros básica da economia durante o período de prazo do título;
  • Tem uma volatilidade considerável, portanto, não apresenta liquidez diária e qualquer venda antes do vencimento pode acarretar perdas;
  • É considerado um investimento conservador e indicado para aplicações de médio e longo prazo.

Como ele funciona?

Basicamente, ao comprar esse título público o investidor estará fazendo um empréstimo para que o Governo financie os projetos do país. Como contrapartida, ele recebe um acréscimo em juros, sobre o montante aplicado, no final do prazo do título.

Além disso, o Tesouro Direto prefixado possui uma taxa fixa de rentabilidade, que é explícita no momento da compra. Por causa disso, você consegue calcular com precisão quanto resgatará na data de vencimento.

A diferença entre cada tipo do título

A LTN, também conhecida apenas como Tesouro Prefixado, é o papel mais simples da modalidade. O rendimento e a cobrança das taxas incidem anualmente, dessa forma, o investidor recebe a mesma porcentagem todos os anos até o fim do prazo.

Por outro lado, ao investir em NTN-F, ou “Tesouro Prefixado com Juros Semestrais”, você receberá um cupom de juros a cada seis meses até a real data de vencimento (quando também receberá de volta o valor aplicado inicialmente).

Essa segunda opção é mais indicada para aquelas pessoas que já acumulam capital e estão agora vivendo apenas com a renda dos investimentos.

Quais as taxas e custos que incidem sobre ele?

O Tesouro Direto apresenta algumas taxas e custos que podem interferir diretamente nos resultados do seu investimento. Ainda assim, não precisa se preocupar! Mesmo tendo que pagar alguns valores, a rentabilidade do Tesouro Direto prefixado pode ser muito maior do que a Caderneta de Poupança.

Com relação às cobranças no Tesouro, há 2 principais:

  • Taxa de custódia: cobrada pela B3, essa taxa apresenta uma alíquota de 0,25% ao ano e é cobrada pela guarda do título durante todo o período em que durar a aplicação.
  • Taxa de administração: essa segunda tem um valor que pode variar, já que ela é cobrada pela instituição financeira na qual você investe.

Já sobre a tributação, o Tesouro exige o pagamento do Imposto de Renda (IR) sobre os rendimentos. A alíquota segue uma tabela regressiva, por isso, quanto mais tempo seu dinheiro permanecer investido, menor será a cobrança:

Tempo Alíquota
Até 180 dias 22,5%
De 181 a 360 dias 20%
De 361 a 720 dias 17,5%
Acima de 721 dias 15%

Quanto ao Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), ele só incide sobre as aplicações que duram menos do que 30 dias, ou seja, depois de um mês você não precisará mais arcar com esse valor. E isso não é um problema, já que o Tesouro Direto prefixado possui prazos muito maiores.

Nesse caso, é importante investir com planejamento, para não precisar retirar o valor investido antes do prazo do acordo.

Como investir em Tesouro Direto prefixado?

Para investir em Tesouro Direto prefixado, você precisará de uma instituição responsável por intermediar as transações – chamada de agente de custódia. Nesse momento, é essencial buscar uma empresa competente, com boa reputação no mercado e que ofereça vantagens aos seus clientes.

Assim que você estiver com sua conta ativa na instituição, faça uma TED ou DOC com a quantia que você separou para aplicar. É valido lembrar que, antes de investir em Tesouro Prefixado, é preciso ter uma boa reserva de emergência para evitar dores de cabeça no futuro.

Feito isso, basta ir na plataforma da B3 ou do seu agente de custódia integrado, escolher – entre os títulos prefixados – aquele que apresenta o melhor rendimento de acordo com o prazo necessário para os seus objetivos e, por fim, enviar a ordem de compra para a sua corretora ou banco.

5 motivos para investir em LTN e NTN-F com a XP ainda hoje

  1. A XP Investimentos tem TAXA ZERO para Tesouro Direto, o que aumentará ainda mais sua rentabilidade;
  2. O Tesouro Direto consegue render, normalmente, cerca de 10% a mais que a Poupança;
  3. É uma forma de contornar baixas taxas de juros em uma possível queda na economia do país;
  4. A XP é um agente de custódia integrado, o que facilita o momento de aplicar e dá mais comodidade ao investidor;
  5. O Tesouro Prefixado é um investimento acessível à pequenos e grandes investidores, podendo ser comprado a partir de R$ 33,00.

Agora que você já sabe tudo sobre investir em Tesouro Direto prefixado, abra já a sua conta em uma das melhores corretoras de valores do país e comece a aumentar seu patrimônio de forma mais rápida!