Hering (HGTX3)

Hering (HGTX3)
A Hering (HGTX3) divulgou na noite de ontem uma prévia do seu resultado do quarto trimestre de 2019. A empresa informou que teve uma queda de 5,2% no faturamento bruto, que foi de R$ 502,9 milhões no período. As vendas mesmas lojas tiveram queda de 4% na receita. As vendas nas lojas próprias, que não incluem as franquias, caíram 1,9% em comparação ao quarto trimestre de 2018. Segundo a empresa, houve o fechamento de 13 franquias no período. Já o comércio eletrônico teve um crescimento de 48,2% no quarto trimestre, passando a representar 4,4% da receita.

Hering (HGTX3)

Compre ações e torne-se sócio das maiores empresas do Brasil.

Hering (HGTX3)

O Credit destaca que a Hering (HGTX3) reportou vendas abaixo do esperado em todos os canais (com exceção do e-commerce), o que levou à queda na receita bruta de 5.2% na base anual.

De acordo com a companhia, depois de um forte desempenho em outubro e novembro com recorde de vendas por causa da Black Friday, as vendas de dezembro sofreram.

“A falta de consistência do desempenho das franquias e a queda nas multimarcas impede a alavancagem operacional que acreditamos ser um dos principais pontos para o case de re-rating da Hering (HGTX3). Entendemos que existe um gap de valuation para outras empresas do setor, mas temos dificuldade em dar todo o benefício da dúvida no momento”, afirmam os analistas do banco suíço, que mantêm recomendação neutra para os ativos.